Sexta-feira, 2 de Fevereiro de 2007

Crónica duma testa recuada

Eu não vejo a calvície como uma desvantagem estética: vejo-a como uma doença incurável que não me vai provocar a morte mas apenas desejá-la.
publicado por Brockston Über Alles às 14:03
link do post
4 comentários:
De carlos a 21 de Fevereiro de 2007 às 13:15
pelo menos assim, há quem te possa puxar o lustro.
De tijolo azul a 4 de Fevereiro de 2007 às 20:52
Há coisas que, pura e simplesmente, não são relevantes...
De tijolo azul a 2 de Fevereiro de 2007 às 20:12
A falar em referendos, para quando um à Eutanásia?

Sou da opinião de que a Calvície devia ser considerada uma doença crónica, incapacitante...

Agora a sério: "Cresce e aparece!"
De Luis Rocha a 2 de Fevereiro de 2007 às 19:41
Eu creio que é uma vantagem intelectual contar com uma pista de aterragem de ideias aéro-espaciais na mona.

Comentar post

© 2008 Brockston Über Alles. Todos os direitos rebarbados.

Génio Atormentado




Coluna desnecessária

dantes é que era

links

pesquisar neste brockston

 

subscrever feeds

blogs SAPO