Domingo, 2 de Março de 2008

Entre a porta e a janela

Estava sentado à secretária quando comecei a sentir uma leve corrente de ar no pescoço. Reparei que a porta e a janela estavam abertas e decidi fechar uma delas. Após breve reflexão, levantei-me e fechei a janela, ciente de que tinha tomado a decisão mais acertada. Regressei à secretária e prossegui o que estava a fazer, agora sem correr o risco de me constipar desnecessariamente.
publicado por Brockston Über Alles às 13:59
link do post
6 comentários:
De o idiota a 2 de Março de 2008 às 14:13
Provavelmente porque a porta se encontrava mais longe.
De Brockston Über Alles a 2 de Março de 2008 às 14:17
Provavelmente não, porque a escrivaninha encontra-se misteriosamente num dos focos do meu escritório elíptico.
De o idiota a 2 de Março de 2008 às 14:19
A Sala Oval?
De Brockston Über Alles a 2 de Março de 2008 às 14:26
E por elíptico quero dizer circular. E por foco quero dizer centro.
De o idiota a 2 de Março de 2008 às 21:43
Nunca foste muito excêntrico.
De Brockston Über Alles a 2 de Março de 2008 às 16:01
E por escrivaninha quero dizer secretária.

Comentar post

© 2008 Brockston Über Alles. Todos os direitos rebarbados.

Génio Atormentado




Coluna desnecessária

dantes é que era

links

pesquisar neste brockston

 

subscrever feeds

blogs SAPO