Terça-feira, 12 de Fevereiro de 2008

D'ZRT 4 ever

Ouvi dizer que o concerto de despedida dos D'ZRT foi fabuloso. Diz que entraram no palco a fazer rapel, que cantaram e dançaram, e que para o grande final acenderam os paus de dinamite que traziam no rabo e explodiram no ar como pinhatas mexicanas, fazendo chover rebuçados de todas as cores e feitios, e uma ou outra carcaça. Enfim, uma noite inesquecível.
Marcadores: ,
publicado por Brockston Über Alles às 20:23
link do post
6 comentários:
De Maria Albertina a 12 de Fevereiro de 2008 às 21:07
E esse concerto aconteceu nalgum contentor de lixo municipal grande e verde?

P.S. Já me estou a tornar muito repetitiva, eu sei. Desculpe-me. É mais forte do que eu.
De Brockston Über Alles a 12 de Fevereiro de 2008 às 21:54
Maria Albertina, meta uma coisa na cabeça: é um prazer e uma honra levar com comentários repetitivos, especialmente se eles forem da sua autoria. Agora levante-se, por amor de Deus, que eu não sou nenhum Jesus. Sou apenas um homem a tentar sobreviver neste mundo inóspito. É assim que se escreve, não é? Inóspito.
De Maria Albertina a 12 de Fevereiro de 2008 às 22:50
Não sei... Isso quer dizer o quê? Se tivesse dito "lixado" ou "de m***"... É mais ou menos isso que quis dizer, não é?
Obrigada pelas outras palavras.Espero ter percebido bem.
De Moyle a 13 de Fevereiro de 2008 às 00:30
seria...
De Sergy a 22 de Fevereiro de 2008 às 20:15
Genial!
De Francisca a 18 de Março de 2008 às 22:16
Maria Albertina vê lá se deixas de dizer tanta maluquisse-....................

Comentar post

© 2008 Brockston Über Alles. Todos os direitos rebarbados.

Génio Atormentado




Coluna desnecessária

dantes é que era

links

pesquisar neste brockston

 

subscrever feeds

blogs SAPO