Sexta-feira, 1 de Fevereiro de 2008

Mais um post contundente

Acabo de ver  a Grande Entrevista com António Marinho Pinto, Bastonário dos Advogados, e não percebo as críticas que lhe são feitas sobre ele não chamar os bois pelos nomes. A certa altura, Marinho Pinto diz claramente que os nomes dos bois são A, B e C. Quantos bois conhecem com nomes de vitaminas? Sinceramente.

É começar a procurá-los nas ganadarias do costume, que eles hão-de lá estar, refastelados, a comer relva e a praticar corrupção ao mais alto nível do Estado.

Por este post é que esses corruptos não estavam à espera. É vida.
publicado por Brockston Über Alles às 20:04
link do post
2 comentários:
De Celeste a 2 de Fevereiro de 2008 às 21:41
Caro amigo Grunho, gosto da tua forma de pensar. Bois está bem visto :D

Eu ando a tentar remodelar, para depois voltar ao activo... mas não sou capaz de fazer o blog dos meus sonhos.

Ou não aceita o template, dá erro, ou sai torto. E como não sei mexer em html... acho que vou por a tasca como estava.

Um abraço **

De Brockston Über Alles a 2 de Fevereiro de 2008 às 23:10
Sei como isso é. Eu próprio já vou na milionésima metamorfose e continuo insatisfeito. O melhor conselho que te posso dar é: procura soluções simples, e dá-lhe com a alma.

Beijocas **

Comentar post

© 2008 Brockston Über Alles. Todos os direitos rebarbados.

Génio Atormentado




Coluna desnecessária

dantes é que era

links

pesquisar neste brockston

 

subscrever feeds

blogs SAPO